Abertas inscrições de Produtores para capacitações do Projeto ABC

  • Data: 19/01/2016

Nayara Pereira com informações do Senar Brasil

Até junho, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Goiás (Senar Goiás), estará com inscrições abertas para produtores e técnicos ligados ao setor agropecuário para as capacitações do projeto ABC Cerrado. Em Goiás, cerca de 600 vagas estarão disponíveis para todo o estado. Os cursos são gratuitos e o participante poderá escolher uma das quatro tecnologias sustentáveis de produção para ser capacitado: recuperação de pastagens degradadas, integração lavoura-pecuária-floresta, sistema plantio direto e florestas plantadas.

“A Capacitação é a porta de entrada dos produtores rurais no Projeto. O ABC Cerrado, fornece ainda de forma gratuita ao produtor, assistência técnica e gerencial, mas para poder contar com essa consultoria ele precisa fazer uma das quatro capacitações”, esclarece o coordenador técnico do Projeto ABC Cerrado, Mateus Tavares.

As inscrições devem ser feitas exclusivamente por meio do preenchimento de uma ficha disponível no endereço http://www.senar.org.br/pre-inscricao-do-processo-de-mobilizacao Os treinamentos têm carga horária de 56 horas, divididos em quatro encontros. As vagas são limitadas e a previsão é que as capacitações, que serão ministradas por instrutores capacitados pelo Senar, comecem em fevereiro.

Segundo Mateus Tavares, em todas as capacitações, independente da tecnologia, o gerenciamento da propriedade será um conteúdo obrigatório. A expectativa é que até o final do primeiro semestre de 2016 sejam atendidos, aproximadamente, 4.200 produtores e técnicos em todo Brasil. “O Senar enxerga que este tema é cada vez mais importante. É um dos principais fatores para a redução de custos e aumento da produção, além de ajudar o produtor a organizar a sua propriedade economicamente”, explica.

Projeto ABC Cerrado

Ação conjunta do Senar, do Ministério da Agricultura e da Embrapa, o Projeto ABC Cerrado difunde e incentiva a adoção de práticas sustentáveis para a redução das emissões de gases de efeito estufa e sensibiliza o produtor para que ele invista na sua propriedade para impulsionar produtividade e renda, mantendo o meio ambiente preservado. O Senar é responsável pela formação profissional dos produtores nas tecnologias e pela assistência técnica e gerencial de propriedades rurais, com recursos do Programa de Investimentos em Florestas (FIP, sigla em inglês) – administrados pelo Banco Mundial, que doou US$ 10,6 milhões para a execução do projeto.

O ABC Cerrado atende oito Estados do Bioma Cerrado (Goiás, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Maranhão, Bahia, Piauí, Minas Gerais e o Distrito Federal), num período de três anos, com a promoção de quatro processos tecnológicos: recuperação de pastagens degradadas, integração lavoura-pecuária-floresta, sistema plantio direto e florestas plantadas. Ao todo, 12 mil produtores rurais vão receber capacitação e, desse total, 1.600 propriedades - nos Estados de Minas Gerais, Goiás, Tocantins e Mato Grosso do Sul - receberão, também, assistência técnica.