Faeg/Senar anuncia vencedores de etapa estadual do CNA Jovem

  • Data: 27/06/2016

Denise Oliveira
Com apresentações de projetos voltados para o agronegócio, a terceira e última etapa do CNA Jovem 2016 em Goiás reuniu, neste domingo (26), em Goiânia, além dos 20 jovens do programa, a diretoria e profissionais do Sistema Faeg/Senar, e convidados para a avaliação dos projetos e seleção de quatro jovens profissionais que farão parte da etapa nacional, em Brasília-DF.

A Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Goiás (Faeg) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Goiás (Senar Goiás) abraçaram o projeto, que tem como objetivo desenvolver lideranças jovens para o Agro. No anúncio dos vencedores, estiveram presentes o presidente do Sistema, José Mário Schreiner, o presidente da Agrodefesa, Arthur Toledo, o superintendente do Senar Goiás, Eurípedes Bassamurfo da Costa, a gestora do Departamento de Projetos de Inovação da paraestatal, Rosilene Jaber, e colaboradores das entidades que estavam envolvidos no programa.

O CNA Jovem possibilitou aos participantes a elaboração de projetos que pensam no agronegócio de maneira viável, ou seja, a realidade do produtor rural e seus inúmeros aspectos desde a falta de informações no campo, assistência técnica, crédito rural até a gestão da propriedade. O objetivo era preparar esses jovens do meio rural, para que possam, por meio de lideranças estabelecidas nos municípios, levar ao produtor informações e conhecimento fazendo com que este seja gestor de seu próprio negócio.

Uma difícil escolha. Com este pensamento, José Mário Schreiner fez o tão esperado anúncio dos quatro jovens que representarão Goiás na etapa nacional, que terá 04 encontros presenciais a partir do próximo dia 08 de julho. São eles: Emanoel Pinheiro de Faria, do município de Anápolis, Ianos Roberto Mueller, de Porangatu, Jéferson Sousa Veloso, de Alexânia e Vinícius Azeredo Borges, do município de Ipameri.

“É um momento muito importante para o agronegócio de Goiás. Vocês, jovens, devem perceber o quanto fazem a diferença nessa geração. A garra, a força e coragem da juventude nós dá uma perspectiva de futuro, uma continuidade, uma sucessão não viciada, mas com novas ideias e empreendedorismo”, disse Schreiner, no encerramento da etapa estadual. “São vocês em conduzirão nosso país, e é fácil perceber que estamos no caminho certo ao levantar jovens no nosso meio com essa liderança e acima de tudo com conhecimento para levar o agronegócio em frente”, reforçou.

O presidente da Agrodefesa, Arthur Toledo, que foi um dos palestrantes na etapa estadual, ressaltou o privilégio de participar de um programa desse porte. “É impressionante o quanto essa turma é ousada e demonstrou uma grande disposição para trabalhar em prol do desenvolvimento do campo. São muitos os desafios, mas acredito que teremos excelentes resultados ao aplicar os projetos que foram apresentados aqui”, afirmou.

Em Goiás, a etapa estadual teve três encontros, de 07 de maio a 26 de junho, com duração total de 40 horas, ministrados pelos instrutores Rachel Leão Vieira e Henrique Dornas Martim e a pedagoga e coordenadora de projetos do Senar Goiás, Kelly Baliano.

Jovens líderes para o campo
Emanoel Pinheiro de Faria, formado em Tecnologia em Mineração, apresentou o projeto intitulado Sistema alternativo para captação de energia solar fotovoltaica, que tem o objetivo principal minimizar o impacto, causado ao pequeno produtor de leite, proveniente de interrupção no fornecimento de energia elétrica por parte da companhia de eletricidade. Para ele representar, não só os jovens do estado, mas os que participaram do programa, levando os anseios e os desafios que se apresentam é uma grande honra.

Do município de Porangatu, o jovem Ianos Roberto Mueller, formado em Direito e Mestrando em Economia e Finanças Públicas pela Escola de Economia e Administração de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas, apresentou O “Alfabetização no Campo”, que como o próprio nome diz pretende diminuir o analfabetismo de jovens e adultos no meio rural. “Uma expectativa muito boa em relação a etapa nacional, visto que, os três encontros daqui me ensinaram muito”, comentou Mueller.

Jéferson Sousa Velozo, 27 anos, formado em administração, com MBA em controladoria e finanças, cursando MBA em gestão empresarial no agronegócio, com o projeto “Implantação do sistema cooperativista para os produtores de leite da cidade de Alexânia” visa criar uma cooperativa no município para melhorar a renda dos produtores, entre outros.

E, o agrônomo Vinícius Azeredo Borges, do município de Ipameri tem uma vasta experiência em liderança. Faz parte da diretoria do Sindicato Rural, membro de comissões e também do Conselho Municipal da Saúde. Por esses motivos, o projeto Marketing Forte tem a proposta de melhorar a comunicação entre o sindicato rural e a sociedade (rural e urbana). “Meu principal objetivo é mudar o Sindicato Rural de Ipameri e dando certo, estender a outros Sindicatos”, finalizou o jovem líder.

Etapa nacional
O programa CNA Jovem 2016, agendou para os dias 08 a 10 de julho; 19 a 21 de agosto; 14 a 16 de outubro; 25 e 27 de novembro para os encontros com os vencedores das etapas estaduais. Esses encontros estimulam os participantes, por meio de uma liderança inovadora, a desenvolver seus potenciais em um dos cinco quesitos: institucional, sindical, politica, empreendedora e acadêmica. Ao término dos quatro encontros os vencedores são escolhidos por eles mesmos. Assim, serão líderes formadores de opinião em seus municípios.