Dia do Produtor Rural é marcado por vitórias e entraves do setor

  • Data: 28/07/2016

Assessoria de comunicação da Faeg
A agropecuária brasileira comemora nesta quinta-feira (28) o Dia do Produtor Rural. A data para homenagear quem ara a terra, cultiva e produz os alimentos que chegam às mesas dos goianos, brasileiros e pessoas do mundo todo. O presidente do conselho administrativo do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Goiás (Senar GO), José Mário Schreiner, pontua que o trabalho do produtor rural já pode ser evidenciado nos primeiros momentos da manhã. “Logo que acordamos, temos amostras do esforço destes trabalhadores: no nosso café da manhã, com frutas, pães, frios, mel, suco, café, leite e derivados”, diz.

“Ao comemorarmos o Dia do Produtor Rural, aproveitamos para enaltecer o trabalho deste profissional, empresário e empreendedor. São homens e mulheres que têm a missão de preparar a terra, cultivar a lavoura e cuidar das criações”, continua Schreiner. Ele, entretanto, reconhece que os desafios da profissão são tão grandes quanto seu resultado. “Apesar dos obstáculos, a esperança sempre renasce. Esperança de poder contar com políticas de longo prazo que certifiquem mais segurança – principalmente quando o tempo e São Pedro não ajudam; com infraestrutura e logística; e com redução da carga tributária”, sinaliza.

“Somos felizes por representar os produtores rurais e defender seus interesses”, brada ele. A Faeg, diariamente, dedica-se à inovação e à busca por atender o trabalhador do campo da melhor maneira possível, conforme afirma José Mário. “Reconhecemos a importância do setor produtivo, que nos oferece, com seu trabalho, a possibilidade de suprir nossas necessidades diárias e, de quebra, dar suporte à economia do Brasil”, finaliza.

Comemoração
A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em parceria com as Federações, Sindicatos Rurais (SRs) e os próprios produtores rurais, montará, nesta quinta, na Esplanada dos Ministérios, uma mesa de 200 metros de comprimento, coberta por alimentos que representam a rica diversidade da produção agrícola e pecuária brasileiras.

Em meio à mesa de produtos, será exposto um enorme mostruário de frutas, com mais de 10 toneladas, que deve quebrar o recorde mundial, certificado in loco por representante do Guinness World Records. Após o reconhecimento do recorde, os produtos dispostos na mesa serão doados ao público presente.

Durante o evento, a CNA apresentará o documento “Dez medidas para garantir o crescimento e fortalecimento da agropecuária brasileira”, com um conjunto de propostas fundamentais para que o setor siga contribuindo com o desenvolvimento do País. Em seguida, o documento será entregue pelo presidente da CNA, João Martins, ao presidente em exercício, Michel Temer, durante uma audiência no Palácio do Planalto.

Também será criada uma página no site da CNA para acompanhar a evolução destas 10 medidas nos diversos níveis do Poder Público.